História da Cerveja em Joinville: as primeiras cervejarias artesanais

Os imigrantes europeus que chegaram em Joinville, Santa Catarina, trouxeram consigo muitos  costumes e tradições. Além do gosto pelas festas e uma gastronomia riquíssima, também tinham um gosto refinado por cervejas de qualidade. Como não encontraram o líquido por aqui, sentiram a necessidade de começar a produção artesanal de cervejas, fato que marcou a história da cidade.

Conforme a cidade ia se desenvolvendo, cresciam também o número de cervejarias. De acordo com os relatos, os clubes de caça e tiro tinham suas próprias fábricas de cervejas.

Mas você sabe quem foram os precursores de toda essa história? Conheça quais foram as primeiras cervejarias artesanais de Joinville:

 

Cervejaria Shmalz

A Cervejaria Schmalz foi a pioneira na cidade de Joinville, antiga colônia Dona Francisca. Foi fundada em 1852, pelo suíço Albrecht Gabriel Schmalz, e funcionava na própria casa de Albrecht. A moradia ficava ao lado do ribeirão Mathias, de águas cristalinas, perfeitas para produzir cerveja.

Schmalz trouxe as máquinas da Europa para fabricar a cerveja artesanal. Como o clima de Joinville era impróprio para o cultivo da cevada, ele utilizou milho na composição.  “O malte era feito pela germinação dos grãos de milho em água quente. Uma tina de madeira era usada para clareação e, depois, a fermentação e a maturação duravam quase duas semanas”, explica Wilson Gelbcke em sua narração no livro “Do Cantão para Joinville, a saga da Família Schmalz”.

Nasceu assim a Cervejaria Schmalz e a primeira cerveja artesanal de Santa Catarina.

 

Cervejaria Kühne

rótulo cerveja artesanal joinviile Kuhne

Rótulo cerveja artesanal Kühne. Fonte: Acervo histórico de Joinville.

Conhecida pelo nome de Bierbraunieri Kuehne, a cervejaria iniciou suas atividades em 1858. Estava situada na Rua Jaguaruna e foi uma das responsáveis por batizar a rua com o título de Bierstrasse (Rua da Cerveja, em português). Em 1906, lançou a marca “Progresso 1906”, alusiva às comemorações de inauguração da estação ferroviária de Joinville.
Em 1958, é fundada a Kühne & Cia e a Cerveja “Ponte do Diabo” é lançada. Essa era uma cerveja que “possuía” rapidamente quem a bebia. Isso acontecia pelo alto teor de álcool, bem acima da média.

 

Cervejaria Berner

Rischbieter Brauerei era uma importante cervejaria de Blumenau, por volta de 1875. Em 1918, ela foi vendida para Walter Otto Berner, de Joinville, e passou a se chamar Cervejaria Berner. Alguns anos depois, o negócio começou a passar por dificuldades financeiras. Então, Otto encerrou suas atividades de fabricação de cerveja, vendeu seu maquinário para a Cervejaria Joinvillense e passou a fabricar somente refrigerantes.

cervejaria artesanal otto berner Joinville

Cervejaria artesanal Otto Berner de Joinville. Fonte: Acervo Histórico de Joinville.

 

Cervejaria Tiede

As primeiras cervejas da Cervejaria Tiede começaram a ser produzidas em 1889, por Alfred Tiede. Alfred morreu de câncer em 1904 sem deixar filhos, apenas um sobrinho adotado. O nome desse sobrinho era Seyboth.

Após a morte de Alfred, sua esposa Lilly Tiede assumiu os negócios da família. Os rótulos da primeira década do século 20 mostram o novo nome da empresa: “Va de A. Tiede”.

cerveja artesanal tiede joinville

Cerveja artesanal Tiede Joinville. Fonte: Acervo Histórico de Joinville.

Em 1915, o sobrinho assumiu os negócios da mãe adotiva. Nos rótulos o nome da empresa já aparecia como “Alfred Tiede & Cia”.

cerveja artesanal tiede joinville

Cerveja artesanal Tiede Joinville. Fonte: Acervo Histórico de Joinville.

Com a chegada de um sócio, os rótulos passaram a apresentar a identificação “Tiede, Seyboth & Cia”.

Até 1925, a cervejaria existia sob o nome Tiede, quando transformou-se em cervejaria artesanal de alta fermentação para cervejaria de baixa fermentação. A modificação no processo, que visava alcançar maior produtividade, trouxe também problemas financeiros, os quais culminaram com a transformação de Thiede, Seyboth & Cia em Cervejaria Catharinense.

cerveja artesanal tiede joinville

Cerveja artesanal Tiede Joinville. Fonte: Acervo Histórico de Joinville.

cerveja artesanal tiede joinville

Cerveja artesanal Tiede Joinville. Fonte: Acervo Histórico de Joinville.

No próximo post, descubra como a Cervejaria Catharinense ganhou relevância e tornou-se uma referência nacional na produção de cervejas.

 

Hey! Se beber, vá de carona 😉 E lembre-se: consuma com moderação; bebidas alcoólicas são proibidas para menores de 18 anos.