Conheça a história das cervejas especiais para o Natal

O fim do ano se aproxima e é mais um ciclo que se fecha, para dar início a um novo. Ah, como são bons esses momentos de Natal e Ano Novo!

As festividades natalinas ganham merecida atenção, momento em que amigos e familiares se reúnem para trocar presentes e celebrar. A mesa é farta e rica em sabores e, é claro, muitos gostam de ter ao seu lado uma boa cerveja para harmonizar.

Essa combinação existe desde a antiguidade. Aliás, foi lá no passado que surgiu a ideia de preparar cervejas especiais para o Natal. Conheça um pouquinho dessa história:

 

Cervejas especiais para o Natal: uma antiga tradição

Acredita-se que o costume de beber cervejas especiais nessa época do ano surgiu com os Vikings. Eles comemoravam o Jul ou Yule e, no dia 21 de dezembro, eles ofereciam brindes aos seus deuses nórdicos.

O Jul fazia parte da comemoração do solstício de inverno (noite mais longa do ano) e era tradição produzir uma cerveja forte e maltada para a celebração.

Mesmo após a imposição do cristianismo, a tradição de ter uma cerveja especial continuou. No século XIX, os sacerdotes cervejeiros dos mosteiros europeus escolhiam os melhores ingredientes para a produção da cerveja em comemoração ao nascimento de Jesus. Tradicionalmente, eles utilizavam uma grande quantidade de cereais para produzir essa bebida, que deveria ser consumida no fim do ano.

Na Europa, essas cervejas especiais comemoravam também a chegada do frio. Na Alemanha, por exemplo, a Weihnachtsbier (cerveja de Natal) é uma antiga especialidade do Estado da Baviera, uma bebida fabricada com malte e lúpulos frescos. Essa cerveja tem alto teor alcoólico, entre 6% e 8%, e a intenção é que traga a sensação de aquecimento durante o inverno.

Na Dinamarca, a tradição se fortaleceu e é um sucesso até os dias de hoje. As cervejas especiais são mais fortes, produzidas para combinar com os banquetes das festas de fim de ano.

 

Característica das cervejas de Natal

As cervejas de Natal, apesar de diferentes, têm algumas características comuns entre si. Em geral, pela grande quantidade de maltes na receita, elas possuem alto teor alcoólico, apresentam dulçor e são mais encorpadas. Na produção, algumas levam especiarias que lembram os bolos, biscoitos e frutas secas. O resultado são cervejas artesanais extremamente saborosas, de cor marrom e avermelhada.

Pelo clima diferente no Brasil, as cervejas de Natal brasileiras ganham novas releituras. Normalmente são alcoólicas, mas por aqui, a intenção é que a bebida seja refrescante.

A Opa Bier também já teve a sua edição especial para essa festividade: a Weihnachts, que na tradução do alemão significa Natal.

cerveja artesanal especial Natal tradição

Essa cerveja artesanal com estilo Old Ale e de aroma envolvente tinha gradução alcoólica de 6,5%, paladar marcante e levemente maltada, combinando perfeitamente com a alegria e leveza do natal.

Como você planeja passar o seu Natal? Curta e brinde esses momentos inesquecíveis em família!

A Opa Bier deseja a todos um Feliz Natal!